Posse de Dom Jailton de Oliveira Lino na Catedral São Pedro

No dia nove de Fevereiro de 2018, na Catedral de São Pedro da cidade de Teixeira de Freitas-BA, ocorreu a posse de Dom Jailton de Oliveira Lino para a Diocese de Teixeira de Freira/Caravelas. A celebração contou com a presença de seis Bispos. Eram eles: Dom Murilo S. R. Krieger, arcebispo de Salvador e primaz do Brasil, responsável por dar posse ao novo bispo; Dom Ceslau Stanula, bispo emérito da Diocese de Itabuna – BA; Dom Carlos Alberto dos Santos, bispo da Diocese de Itabuna – BA; Dom José Edson Santana de Oliveira, bispo da Diocese de Eunápolis – BA; Dom Paulo Bosi Dal’Bó, bispo da Diocese de São Mateus – ES.

Dom Jailton foi ordenado bispo no dia 13 de janeiro no Santuário Nossa Senhora De Caravaggio, na cidade de Farroupilha-RS. O bispo é religioso pertencente a Congregação Pobres Servos da Divina Providência, sendo ordenado sacerdote no dia 17 de dezembro de 1988 na cidade de Feira de Santana, no Estado da Bahia.

A celebração contou uma grande quantidade de religiosos e fieis leigos atuantes na Diocese, bem como seus familiares, amigos e membros da Família Calabriana, religiosos e religiosas como: Pe. Miguel Tofful, Superior Geral, Pe. Gilberto Bertolini, Delegado - Provincial, Pe. Paulo Paloro, Pároco da Paróquia Mãe da Divina Providência em São Luis - MA, Pe. Jeilson Soares, reitor do COV Rainha dos Apóstolos em Campo Grande - MS, Pe. Hermes Novakoski, Reitor do COV Nazaré em Marituba - PA, Ir. Joandeson Ferreira, Animador Vocacional do regional NO/NE, Ir. Letícia, Ir. Ivonete e Ir. Aparecida.

Ao dirigir algumas palavras aos presentes, Dom Jailton primeiramente agradeceu a presença de todos, e se sente muito feliz e desejoso de poder ajudar todo o povo de Deus nesta nova missão que a Igreja lhe confia.

“Eu venho com muito entusiasmo, com muita garra e com muita disposição; de mangas arregaçadas para trabalhar com vocês e trabalhar por vocês e aí eu conto com a participação de todos e com a ajuda de todos; e, quero dizer que meu coração pulsa muito e bate muito por essa missão que Deus me confiou aqui, então eu quero dedicar as batidas de meu coração a vocês” (Dom Jailton de Oliveira Lino)








Missa com Benfeitores e Ingresso dos Novos Seminaristas

No dia 03 de fevereiro de 2018 num bonito clima de alegria e fraternidade, ocorreu no Centro de Orientação Vocacional Nossa Senhora de Nazaré a primeira missa do presente ano com os benfeitores do projeto Amigo das Vocações. 
A santa missa foi presidida pelo Pe. Oziel Feitosa Ribeiro, religioso Pobre Servo e co-celebrada pelo Pe. Hermes Novakoski, reitor do COV Nazaré. No seio da celebração se deu o rito de ingresso dos novos seminaristas. São eles: João Marcos, Lucas Santos, Manoel Neto e Marcos Vinícios, bem como a acolhida dos jovens que já realizam sua caminhada: Andrey de Deus, Claudio Victor, Edgar Silva e João Paulo. Cada um dos jovens recebeu a chave da casa, um terço e a bíblia. 
Por conseguinte, em sua reflexão Pe. Oziel motivou o jovens seminaristas a voltarem todo o seu coração a Jesus, pois é Ele que nos chama e ajuda na missão e a comunidade a apoiarem esses jovens em sua caminhada por meio da oração.
Num clima de oração foi realizado a bênção da garganta pela intercessão de São Brás, bispo e mártir e a consagração das famílias a Virgem de Nazaré. Ao término da celebração houve a partilha de um bom café da manhã para celebrar a vida de alguns dos benfeitores.
Louvamo e bendizemos a Deus que nos proporciou mais esse rico momento de alegria e fraternidade. 





Louvado seja pelo ano de 2018


Estimados irmãos e irmãs.

    Desejamos que as bênçãos de Deus estejam com todos vocês neste início de 2018 e em cada dia deste ano.
    Neste novo ano, com a fé renovada em Deus que é Pai Providente, queremos viver com intensidade todos os momentos. Teremos um ano cheio de atividades que refletem o movimento do Espírito Santo que faz sempre nova todas as coisas.
    Queremos continuar contando com a sua presença, as suas orações e o seu apoio, pois a Família Amigos das Vocações precisa continuar sua caminhada.
    Já iniciamos o ano com dois acontecimentos bonitos. Ir. Joandeson Ferreira fez no dia 1º de janeiro juntamente com outros dois irmãos a Profissão Solene com os Votos Trienais manifestando publicamente seu desejo de se consagrar definitivamente a Deus na Congregação Pobres Servos da Divina Providência. Ainda no mês de janeiro, no dia 13, o Padre Jailton Lino foi Ordenado Bispo para a Diocese de Teixeira de Freitas/Caravelas. Bonitos e significativos momentos neste Ano Vocacional Calabriano.

    Iniciamos este ano acolhendo os novos seminaristas que sentiram o chamado de Deus e desejam fazer este caminho de conhecimento e aprofundamento espiritual para compreender melhor a vontade de Deus na sua vida. Eles precisam da nossa oração e apoio para responderem com generosidade a este grande dom!
   Enfim, queremos viver 2018 com muita fé, renovando nossa esperança e praticando a caridade. Assim manifestaremos ao mundo que Deus é Pai e cuida de todos os seus filhos e filhas. Ele que tudo provê, tudo cuida, tudo ordena para o bem de todos.

    Continuamos rezando pelas suas intenções e necessidades. Reze por nós.

Deus abençoe você e sua família!

Pe. Hermes José Novakoski

Reitor!



Assembléia Geral dos Pobres Servos da Divina Providência

Nos dias 11 e 12 de Janeiro de 2018, ocorreu no Seminário Apostólico Nossa Senhora de Caravaggio a Assembléia Anual dos Religiosos Pobres servos sob a temática Profecia e Evangelização. A mesma tem por objetivo efetivar uma análise avaliativa do triênio findado 2015-2017 a partir do Plano Global de Ação (PGA) e ao mesmo tempo estabelecer novas diretrizes para o triênio subsequente 2018-2020.
A assembléia Geral contou com a presença da grande maioria dos religiosos Pobres Servos atuantes no Brasil, bem como do Vigário Geral, Pe. Luciano Squizatto e do Ecônomo Geral, Irmão Gedovar Nazzari. Além do momento de reflexão sob a apresentação dos relatórios gerais do adamamento das atividades acerca do triênio, o encontro favoreceu um momento fraternidade entre os religiosos, partilha de suas missões, realizações e desafios. 
Louvamos e agradecemos a Deus pai providente por mais esse momento significativo vivido pela Família Calabriana. 

ORAÇÃO DA FAMÍLIA CALABRIANA

Ó Senhor, Deus Pai Onipotente, olhai com benevolência para todos nós, membros de vossa família; dignai-vos enriquecer-nos com a vossa vida e animar-nos com vosso Espírito, para que respondamos fielmente ao vosso chamado. 
Conservai-nos sempre, ó Senhor, no vosso amor pela intercessão da Imaculada Virgem Maria, Rainha dos Apóstolos, de São José, de São João Calábria e de todos os nossos santos Patronos. 
Enviai-nos irmãos, irmãs e leigos de espírito apostólico, para que, unidos numa só família, acreditemos em Vós e na vossa Palavra. 
Fazei que, libertos das preocupações deste mundo, repletos de confiança em vossa Providência, e em comunhão com quem vos representa, estejamos prontos a fazer vossa vontade e a sofrer com Cristo para que as almas acolham o vosso Santo Reino.
Amém.

             

             

Primeira Profissão Trienal

No dia primeiro de Janeiro de 2018, na Solenidade de Santa Maria Mãe de Deus os irmãos Dario Agustin, Erivam Pereira e Joandeson Souza emitiram seus votos trienais na Congregação dos Pobres Servos da Divina Providência. A profissão trienal configura-se após uma vivencia do período de Juniorato. Esta equivale a profissão perpétua na qual este nossos irmãos consagram-se definitivamente a família calabriana. 
A celebração foi presidida pelo Pe. Luciano Squizatto, vigário geral da congregação e contou com a presença de religiosos, religiosas, familiares e amigos. A mesma ocorreu no Seminário Apostólico Nossa Senhora de Caravaggio. O lema escolhido por estes nossos irmãos baseia-se na carta aos Filipenses (Fl 2,5) "Tende em vós os mesmos sentimentos de Cristo Jesus". No seio da mesma celebraram 25 anos de Vida Religiosa Consagrada o delegado provincial Pe. Gilberto Bertonili e a Irmã Pobre Serva Hilda Vicentin.
Louvamos e bendizemos ao Pai do Céu por estes nossos irmãos que mais uma vez reafirmam seu Sim ao Senhor da Messe.





Ingresso ao Noviciado

No dia 31 de Dezembro de 2017, ocorreu no Seminário Apostólico Nossa Senhora de Caravaggio na festa da Sagrada Família com a oração da Liturgia das Horas (II Vésperas), o ingresso de seis jovens a etapa formativa do Noviciado da Congregação Pobres Servos da Divina Providência. A celebração foi presidida pelo Pe. Luciano Squizatto, vigário geral da Congregação.
O noviciado compreende como um ano canônico como estabelece as diretrizes do Código do Direito Canônico "Cân. 646 O noviciado, com o qual se começa a vida no instituto, destina-se a que os noviços conheçam melhor a vocação divina, a vocação própria do instituto, façam experiência do modo de viver do instituto, conformem com o espírito dele a mente e o coração e comprovem sua intenção e idoneidade. Cân. 648  1. Para ser válido, o noviciado deve compreender doze meses a serem passados na própria comunidade do noviciado"
Sua preparação de ingresso foi precedida por meio do retiro anual. Estes jovens são provenientes de Angola (Africa), Romênia e Brasil e serão acompanhados pelo Pe. mestre Paulo Salvi e o vice mestre Ir. Noivar Brustolini. 
Rezemos por estes nossos irmãos que reafirmam seu compromisso no seguimento do Meste Jesus.







Retiro Anual

Dos dias 25 a 31 de Dezembro de 2017, ocorreu no Seminário Apostólico Nossa Senhora de Caravaggio na cidade de Farroupilha-RS o retiro anual para os religiosos, religiosas, noviços e postulantes da Congregação Pobre Servos e Servas da Divina Providência.
O mesmo teve sua condução com o Padre Valdecir Tressoldi, religioso Pobre Servo que atualmente se encontra em missão na Itália. Com o tema " Ide...É Jesus quem vos envia: Anunciar o Evangelho com a vida é a nossa missão", Pe. Valdecir conduziu num itinerário de seis dias os religiosos ao encontro na sala do andar superior. 
Sob a luz da Palavra de Deus, de partilhas espirituais, vigília e celebração eucarística foram apresentados aos religiosos(as) seis sub-temas que convidavam a meditar sob os discípulos que voltaram cheios de alegria, a ir e fazer discípulos uma vez que o Senhor esta conosco todos os dias, a anunciar o evangelho para que a nossa alegria seja plena, não ficarmos calados diante do que vimos e ouvimos, levantar-se... encaminhar-se para as periferias existenciais e ser uma comunidade profética vivendo a mistica, fraternidade e missão. 
Louvamos e agradecemos ao Pe. Valdecir Tressoldi pela graça de proporcionar ao nossos religiosos(as) um momento de encontro pessoal com Jesus Cristo.



Feliz Natal!

Amigos benfeitores e amigas benfeitoras.
Chegamos ao Natal! Momento de celebrar em família a nossa fé e tudo o que vivemos neste ano.
Louvar a Deus pelas bênçãos recebidas, pelos sofrimentos que nos ensinaram ser pessoas melhores, por cada conquista. Tudo está em suas mãos paternais e providentes.
Agradecemos por você ser sinal do amor de Deus em nossa missão no COV Nazaré, Congregação Pobres Servos da Divina Providência.
Feliz Natal! Cristo renasce em vossos corações e sempre vos abençoe e mantenha firmes na fé, perseverantes na caridade e alegres em todas as ocasiões.
Nossa prece, gratidão e amizade.


Formação para os Votos Trienais

Dos dias 17 a 24/12 os irmãos Dario Agustin, natural do Paraguai, Erivam Pereira, natural de Campo Grande - MS e Joandeson Ferreira, natural de São Luis - MA estiveram reunidos para uma semana formativa no Aspirantado São José, em Porto Alegre-RS.
O processo formativo contou com presença de Religiosos Pobres Servos, Pobres Servas e de outras ordens religiosas que trabalharam os mais diversos temas acerca da Vida Religiosa Consagrada e da Espiritualidade Calabriana. O objetivo do mesmo consiste na preparação para a primeira profissão trienal como regem as constituições nº 119 " é um ato decisivo que implica um compromisso permanente de viver a consagração religiosa na Congregação. Por isso, os candidatos, antes de dar esse passo definitivo e tomar mais madura consciência das suas consequências, transcorram um período conveniente de mais intensa formação e preparação numa casa destinada para isso".
Louvamos e agradecemos a Deus pelo Sim destes nossos irmãos. 
Que São João Calábria os abençoe e fortaleça em sua vida e missão.














Férias, Turismo e Cuidado da Casa Comum

Com a chegada das férias, muitas pessoas aproveitam essa época para descansar, relaxar e conhecer novos lugares. Para bem acolher os turistas, o bispo auxiliar de Belém do Pará e referencial da Pastoral do Turismo da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), Dom Irineu Roman, escreveu um artigo que traz a reflexão: “Como aproveitar bem a oportunidade do período de férias para “Bem-Viver?”.

Leia o artigo na íntegra!



Férias, Turismo e Cuidado da Casa Comum

Estamos caminhando para o final de mais um ano! E como diziam os latinos: “tempus in finis velocior”, quer dizer, “o tempo é mais veloz no final”. A estranheza de que um novo calendário será pregado na porta nos faz tomar consciência de que o tempo está passando.

Para nós brasileiros, os meses de dezembro e janeiro, caracterizam-se como tempo de férias, passeio, lazer…. Isso é bom, faz bem; afinal, ninguém é de ferro, e todos tem o direito de um merecido descanso. Esse período é tempo de recesso escolar, as indústrias oferecem férias aos funcionários, os órgãos públicos federais, estaduais e municipais também se organizam a fim de proporcionar esse benefício aos seus colaboradores previsto na Constituição Federal.

Esse tempo é, acima de tudo, um período em que a Igreja está de portas abertas para as Celebrações de Natal, Festa da Sagrada Família, Solenidade da Santa Mãe de Deus – dia Mundial da Paz, Epifania e Batismo do Senhor. Tudo isso em nosso tempo de férias! – Será que vamos esquecer-nos disso? – O Natal é sempre um grande motivo para renovação pessoal, familiar e comunitária! Afinal, trata-se de uma importante data de referência, não somente para os cristãos, mas para todos os homens e mulheres de boa vontade. Embora vivamos tempos de grandes agitações, o Natal é um tempo propício para os sentimentos e práticas de solidariedade, de ternura e de amor. As famílias cristãs procuram viver o Natal como a festa da renovação da entrada de Deus em nossas vidas, a fim de caminhar conosco para sempre, ser companheiro de luta, de conquistas, também de derrotas, mas, sobretudo ser companheiro – solidário.

Como aproveitar bem a oportunidade do período de férias para “Bem-Viver”? Santo Agostinho dizia em seus escritos que “no céu amaremos, louvaremos e descansaremos”. – O que é um descanso saudável? Pode-se fazer silêncio e descansar no interior de nossa própria casa, mas isso depende da colaboração de todos. Por outro lado, descanso não quer dizer ociosidade! Aproveitar as férias para uma boa leitura, para melhorar seus conhecimentos através dos estudos e até para realizar algum tipo de trabalho que nos dá prazer! Isso também pode ser um descanso! Depende do amor e da paixão que dedicamos àquilo que fazemos!

O Cardeal Peter Turkson, em sua Mensagem por ocasião do Dia Mundial do Turismo (DMT), em 27 de setembro de 2017, dizia que “o tempo de férias não pode ser pretexto para a irresponsabilidade, nem para a exploração, seja de pessoas ou do meio ambiente, ao contrário; curtir férias é tempo nobre, no qual cada um pode agregar valor à sua vida e à dos outros”. Neste sentido, podemos falar de férias como um período para cuidar de si mesmo, dos outros e do meio ambiente que frequentamos. O tempo de férias como uma oportunidade de descanso, é também uma forma para cuidar da Casa Comum e promover o “Turismo Sustentável”. Isto significa que deve ser responsável, não destrutivo, nem prejudicial para o meio ambiente e o contexto sociocultural em que incide; particularmente respeitoso pelas populações e seu patrimônio, visar à salvaguarda da dignidade pessoal e dos direitos dos trabalhadores e enfim, estar atento às pessoas mais desfavorecidas e vulneráveis.

A proposta de um Turismo Sustentável é também instrumento de progresso para as economias em dificuldade quando se torna veículo de novas oportunidades e não fonte de problemas. Lembrando o discurso do Papa Francisco dirigido às Nações Unidas, ele afirmava: “A Casa Comum de todos os homens deve continuar a erguer-se sobre uma reta compreensão da fraternidade universal e sobre o respeito pela sacralidade de cada vida humana, de cada homem e de cada mulher (…). A Casa Comum de todos os homens deve edificar-se também sobre a compreensão duma certa sacralidade da natureza criada”.

À luz desses argumentos; como vivenciar o período de férias como um tempo de descanso? Como “Bem-Viver” esse período? Os cristãos fazem a leitura do “Bem-Viver” como uma expressão da sabedoria do Reino: o desapego em benefício do bem comum. Em nossa sociedade, a sabedoria como núcleo de uma nova civilização exige despojamento como exercício cotidiano que envolve as dimensões da vida. O desapego como ascese, como exercício de se livrar do desnecessário para que todos possam usufruir do necessário, ultrapassa a esfera do privado e do individual. Além disso, a arte do “Bem-Viver” é a sabedoria que nos encaminha para um novo jeito de viver e conviver; é a capacidade de viver do essencial. Uma atitude evangélica sempre atenta aos sinais dos tempos e do Reino de Deus. O “Bem-Viver” é uma conquista, é uma evolução espiritual, um estilo de vida que se torna realidade quando: a) protegemos a vida e preservamos a natureza; b) defendemos os direitos e fortalecemos os valores; c) solidarizamos e partilhamos os bens comunitariamente; d) desenvolvemos autocomando e harmonia interior.

Por isso, eu lhe pergunto: – Você vai sair de férias? Não faça de suas férias um período de ociosidade, não crie problemas para você, para os outros e para o meio ambiente. Não faça das férias um descanso de Deus, mas agregue oração, espiritualidade, boas leituras, convivência familiar, fraterna; construa boas amizades, proponha-se a um lazer sadio, pratique esportes, realize passeios, contemple a Deus e a obra que Ele criou.

Boas férias, bom descanso!