Preparai o caminho do Senhor - 2º Domingo do Advento

Estamos no segundo domingo do Advento. A liturgia nos convida a preparar os caminhos e o nosso coração, pois o Senhor está chegando. Estamos nos aproximando do grande dia da vinda do Senhor. Estamos preparados para recebê-lo?


Um personagem importante aparece nas leituras deste final de semana: João Batista. Ele preparou o caminho e o coração das pessoas com o Batismo de Conversão para que elas se tornassem dignas de receber Aquele que viria depois dele, do qual João Batista diz que não é digno de se abaixar para desamarrar suas sandálias (Cf Marcos 1,7).


E nós, que tantas vezes participamos da missa e comungamos, com que dignidade o fazemos? Por isso o Advento é um tempo propício para a conversão e um dos meios é a confissão. Confessar os pecados e reconhecer-se pecador diante de Deus para que Ele na sua infinita misericórdia tenha piedade de nós.


João Batista ao falar do Messias utiliza-se das palavras do profeta Isaías que séculos antes já anunciava a vinda do Salvador. O convite do profeta continua atual: “Aplainai na solidão a estrada de nosso Deus. Nivelem-se todos os vales, rebaixem-se todos os montes e colinas; endireite-se o que é torto e alisem-se as asperezas” (Isaías 40,3-4).


Olhando para a nossa vida nos perguntamos: “Quais são os vales a serem preenchidos? (vazios, omissões...). Quais os montes a serem abaixados? (orgulho, vaidade, ambição...) e quais os caminhos a serem endireitados? (egoísmo, ganância, ódio...)” (Cf homilia Pe. Antônio Geraldo Dalla Costa).


Preparar os caminhos do Senhor que vêm é tirar de nossa vida tudo aquilo que não é de Deus. Todos os pensamentos, sentimentos e ações que nos afastam dos Ensinamentos do Evangelho e dos nossos irmãos.


Preparar os caminhos do Senhor é ajudar aquelas pessoas que estão longe de Deus a voltarem para o bom caminho. É apontar soluções para as injustiças do mundo que exclui e mata milhões de pessoas. É ajudar as pessoas a reencontrarem o sentido da vida e deixar para trás tudo o que não promove a dignidade humana.


Muitos vales precisam ser preenchidos. Muitos montes precisam ser abaixados e muitos caminhos precisam ser endireitados. Assim como João Batista preparou o caminho para o Salvador pregando e batizando, também nós cristãos precisamos preparar os caminhos para a segunda vinda do Senhor. Ele virá, por isso precisam vigiar, pois não sabemos o dia nem a hora (liturgia do 1º domingo do Advento).


A salvação de muitas pessoas depende do nosso testemunho de vida e da nossa pregação. Não devemos viver indiferentes, pois somos amados por Deus e devemos falar desse amor aos irmãos.


Acendemos a segunda vela da coroa do Advento. É a vela de cor branca que simboliza a Paz. Cristo é o mensageiro da Paz. Ele conta conosco nessa missão de sermos instrumentos de Paz.


Desejo uma caminhada santa rumo ao Natal do Senhor.


Pe. Hermes José Novakoski, PSDP

LEITURAS PARA O 2º DOMINGO DO ADVENTO
I Leitura: Isaías 40,1-5.9-11
Salmo 84(85)
II Leitura: 2 Pedro 3,8-14
Evangelho: Marcos 1,1-8