PALAVRAS DE SÃO JOÃO CALÁBRIA: FÉ EM DEUS, NOSSO PAI

A fé verdadeira e genuína considera a Deus não apenas como Criador e Senhor, mas principalmente com Pai. Tenhamos, portanto, fé na paternidade de Deus e , por isso mesmo, confiança ilimitada, filial abandono à Providência divina. A divina Providência é como uma terna mãe que tudo dirige para nosso bem ou, melhor, para o nosso maior bem; devemos nos sentir como se estivéssemos sendo carregados pelas suas mãos maternas. É verdade que, muitas vezes, temos de sofrer e, devido a isso, a natureza poderá às vezes sentir uma espécie de desânimo. Não nos admiremos: Jesus também conheceu a tristeza, o tédio e o medo, chegando a pedir ao Pai que afastasse dele o cálice da amargura, crescendo, porém, que se entregava inteiramente à sua vontade paterna. Agora, nós só enxergamos a trama do trabalho e o avesso do bordado; poderá parecer que tudo não passa de confusão.Mas, quando pudermos ver o trabalho acabado e o lado direito do bordado, então ambos se nos apresentarão em todo o seu magnífico e maravilhoso acabamento. A atmosfera de Deus em que devemos viver é o ambiente da fé, da graça e da oração.

Não nos deixemos fisgar por um tipo de espírito que prefere um ambiente de racionalismo, de ativismo, de acomodação às falsas doutrinas do mundo.

Confiemos em Deus, nosso Pai, e em sua Palavra.

Palavras de São João Calábria - Livro: Retornemos ao Evangelho.